10.4.13

A mitologia em minha realidade

Na Nýx profunda, me encontro com Hades,
onde nesse eterno precipício penso em me perder
O Ares tomou conta disso que chamam de mundo,
Cérbero já não suporta mais esse inferno,
Atena está confusa, encaminhando-se ao Tártaro
Mnemosýne já é algo ilusório e ao mesmo tempo
tão igual a esse presente...
Tanatos não me encontra e eu permaneço nesse grande
abismo sem fim, 
esperando um descanso de sua parte
para que ele finalmente me salve de tudo isso... 
Ou que pelo menos Éolo ou Bóreas me leve para longe
Se fosse Circe me transformaria no próprio nada,
o que não estou longe de me tornar
Não posso reconciliar-me com a vida real,
estou completamente presa ao Caos total...