10.4.13


Esquecestes de mim como se esquece um papel sobre a mesa quando não se têm ideias
Me deu tanto valor quanto se dá a uma rosa que está morrendo
Desejou-me tanto quanto se deseja o sofrimento ou a doença
Pois parecia que era isso tudo o que eu significava para ti;
sua doença, seu tormento, o motivo de noites de insônia e delírio demasiadamente insuportáveis porque você nunca foi forte o bastante
E como gotas de chuva eu caio,
logo desaparecerei e serei esquecida novamente  
Mas tão ardente quanto o sol posso reaparecer quando não suportar mais dias de seca
e implorar pela tempestade
Então, retornarei,
trazendo comigo a vingança e o que chamo de momento de glória e paz
E se sua dor não se cura,
a minha não volta jamais...